A importância do Plano de Cargos e Salários

Atualmente em um cenário empresarial onde tudo é muito igual, os recursos financeiros, tecnológicos e materiais são considerados commodities, o grande diferencial são os recursos humanos...

 

Atualmente em um cenário empresarial onde tudo é muito igual, os recursos financeiros, tecnológicos e materiais são considerados commodities, o grande diferencial são os recursos humanos, são as pessoas que irão levar as empresas a atingir os resultados, pois, uma empresa pode ter os melhores recursos financeiros, tecnológicos, etc., mas se não tiver pessoas competentes e comprometidas seus resultados não serão os melhores.

Uma grande questão que as empresas tentam responder é: Como conseguir que um profissional vista a camisa da empresa, se sinta motivado e comprometido para ajuda-la a atingir os resultados? Podemos começar respondendo que a empresa deve propiciar um bom ambiente de trabalho, lideranças qualificadas e preparadas e o principal, remuneração justa e compatível com as atribuições executadas, possibilidade de carreira e crescimento profissional. Veja que a questão salarial novamente é tema importante dentro do cenário organizacional, pois como uma empresa pode querer motivar, reter e atrair pessoas se não consegue fazer o básico. Por isso a remuneração oferecida aos funcionários deve ser justa internamente, competitiva externamente e estar alinhada as necessidades estratégicas da empresa.

Agora, outros questionamentos:

Como a empresa pode administrar melhor o seu custo com pessoal?

Como ela pode remunerar adequadamente a sua força de Trabalho?

Podemos dizer que com um Programa de Cargos e Salários bem estruturado e alinhado às necessidades estratégicas da empresa, esta terá condições de melhor administrar o seu custo de pessoal, pois, terá:
• Informações relevantes sobre o valor relativo ou peso dos cargos
• Identificação e correções de disfunções e injustiças
• Detecção de problemas de sobrecarga ou duplicidade de atividades
• Contribuição para a racionalização e adequado dimensionamento do quadro de pessoal.

Com relação à remuneração, a empresa passa a ganhar uma estrutura salarial que deve estar alinhada ao mercado, dessa forma ela terá condições de praticar níveis de remuneração adequados para atrair e reter os profissionais.

Como vimos, os funcionários procuram ou anseiam por uma remuneração justa e possibilidades de desenvolvimento e crescimento na carreira, enquanto a empresa busca administrar o seu custo com pessoal, reter e atrair profissionais qualificados que a levem atingir seus resultados.

Para que a empresa possa administrar adequadamente a sua estrutura de cargos e salários, garantindo O EQUILÍBRIO INTERNO E EXTERNO, ela necessita contar com um conjunto de instrumentos, políticas e procedimentos relacionados a estruturação do seu Programa de Cargos e Salários e os principais elementos são:
- Descrição de Cargos
- Estrutura de Cargos
- Informações do Mercado
- Estrutura salarial
- Normas e Procedimentos (Política de Cargos e Salários)

O Programa de Cargos e Salários propicia a empresa uma boa gestão da sua Política Salarial e seus principais objetivos são:
Definir atribuições, autoridades, responsabilidades e valor relativo (peso) de cada cargo.
Estabelecer uma estrutura salarial adequada as necessidades da empresa.
Desenvolver sistemas de incentivos que compensem o desempenho individual.
Oferecer oportunidades de remuneração que motivem continuamente os colaboradores, buscando assim assegurar crescentes índices de produtividade.
Subsidiar os demais subsistemas de RH (Recrutamento e Seleção, Treinamento, Medicina e Segurança do trabalho, Relações Trabalhistas, Benefícios, etc.).
Servir de base para a implantação de Plano de Carreira e Sucessão.
Definir Políticas e Normas para assessorar os Gestores na administração de Pessoas.

Comentários